MPTO apura se município de Pugmil está fiscalizando uso de máscaras

Publicado em 12 de janeiro de 2021 - 14:30h

Da Redação do CP Notícias

O Ministério Público do Tocantins (MPTO) instaurou procedimento administrativo para apurar se o município de Pugmil está cumprindo o dever de fiscalizar o uso obrigatório de máscaras de proteção contra Covid-19 por parte da população local.

O descaso com o uso do adereço considerado essencial por órgãos de saúde no combate ao novo coronavírus tem se tornado comum. Em Palmas, como mostrou o Site em reportagem publicada recentemente, muitos estabelecimentos não usam e nem cobram mais de clientes o uso da proteção. Na Capital, a fiscalização também praticamente não é vista pela cidade. Por causa disso, bares, igrejas, comércios e até restaurantes tem funcionando sem qualquer prevenção a doença.

O procedimento foi instaurado no último dia 7 pelo promotor de Justiça Rodrigo Barbosa Garcia Vargas, da Comarca de Paraíso do Tocantins, sendo publicado na edição nº 1.140 do Diário Oficial Eletrônico do MPTO.

A apuração sobre a fiscalização foi motivada por uma representação anônima, direcionada à 4ª Promotoria de Justiça de Paraíso do Tocantins. (Com informações da Ascom do MPTO).

5 1 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Fone: (63) 98454-5055 Email: portalcpnoticias@gmail.com
Jornalista responsável: Dermival Pereira
Copyright®2018 - 2021 – CP Notícias Cleiton Pinheiro.

Criado por:

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com