Produtores devolvem 805 toneladas de embalagens

Publicado em 18 de janeiro de 2021 - 16:54h

Da Redação do CP Notícias

Dados das centrais de recebimentos de embalagens vazias de agrotóxicos de Pedro Afonso e Silvanópolis, apontam que em 2020, os produtores rurais do Tocantins devolveram nestas centrais 805.462 mil quilos de embalagens de agrotóxicos. Um aumento de 11,41% em relação a 2019, quando foram devolvidas nas centrais 722.932 mil quilos de embalagens.


O presidente da Agência de Defesa Agropecuária do Tocantins (Adapec), Paulo Lima disse que os dados confirmam o crescimento do setor agrícola, a responsabilidade dos produtores rurais com o meio ambiente e a importância da fiscalização e orientação feita pela Agência juntos a estes agricultores, sobre o uso correto de agrotóxicos nas lavouras e o descarte legal das embalagens.

A Adapec realiza em todo o Estado, um trabalho de fiscalização nas lavouras orientando os produtores rurais sobre a importância da retirada desse passivo do campo. “O trabalho da Agência em relação aos agrotóxicos começa desde a autorização para revendas comercializarem estes produtos, fiscalização no armazenamento das lojas especializadas e distribuidoras, nas propriedades verificando as condições de aplicação e armazenamento, orientações sobre o uso correto do produto no campo e se estende até a devolução das embalagens nos postos ou centrais,” explicou o gerente de Inspeção Vegetal da Adapec, Carlos Cesar Barbosa.

Legislação

Pela legislação, após a compra do produto agrotóxico o produtor tem o prazo de um ano para fazer a devolução das embalagens vazias, podendo se estender por mais seis meses, caso o produto não tenha sido utilizado em na sua totalidade. A Adapec orienta os produtores para que guardem o comprovante de devolução por dois anos na propriedade, pois em caso de fiscalização as mesmas deverão ser apresentadas.

Dados

Em 2020 na central de recebimento de embalagens de Pedro Afonso, foram devolvidas pelos produtores rurais 379.533 kg e em Silvanópolis 425.929 kg.
O Estado atualmente conta com duas centrais de recebimento de embalagens vazias de agrotóxicos, que estão localizadas nos municípios de Pedro Afonso e Silvanópolis e mais quatro postos, nos municípios de Araguaína, Tocantinópolis, Gurupi e Lagoa da Confusão. (Fonte: Ascom da Adapec).

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Fone: (63) 98454-5055 Email: portalcpnoticias@gmail.com
Jornalista responsável: Dermival Pereira
Copyright®2018 - 2021 – CP Notícias Cleiton Pinheiro.

Criado por:

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com