Profissionais de enfermagem denunciam mudança em contratos e redução de salários

Publicado em 31 de maio de 2019 - 10:53h

Dermival Pereira

Profissionais de enfermagem lotados nas unidades hospitalares do Tocantins reclamam do Governo do Estado que estaria “obrigando” a categoria a assinar um novo contrato com outra nomenclatura de função. Conforme as denúncias, no lugar da função de técnico em enfermagem, os profissionais agora passam a ser chamados como assistentes de serviços de saúde, o que pela lei, impede esses profissionais de atuarem em várias áreas de sua formação, além de reduzir o salário em quase R$ 100, 00 por mês.

Com a medida, segundo as denúncias, mesmo com a formação em técnico em enfermagem, esses profissionais não podem atuar nas Unidades de Terapias Intensivas (UTIs), mas mesmo assim, o Governo insiste em mantê-los atuando nas UTIs, com salários mais baixos e a mesma carga horária.

Uma das denunciantes classificou o ato do Governo como perseguição contra a categoria. “Isso configura desvio de função, está na lei, mas o Governo continua insistindo, pois até mesmo quando a Justiça decide, ele não cumpre, estamos sendo perseguidos por essa gestão, sem condições mínimas de trabalho, e agora vão reduzir o nosso salário, mais uma vez, nós clamamos pela atuação do Ministério Público e da Defensoria em prol não só da nossa categoria”.

Conforme a fonte, “muitos profissionais de enfermagem estão doentes em virtude da jornada excessiva e das más condições de trabalho, temos um número altíssimo de atestados médicos, pois não estamos mais aguentando a sobrecarga, para se ter uma idéia, com a superlotação nas UTIs, sobretudo no HGP, estamos com uma média de cinco pacientes para cada técnico, o que pela norma, o ideal seria dois, no máximo três, de acordo com as condições clínicas do paciente”, destaca.
 
O outro lado

Portal CP Notícias acionou o Governo do Estado e o Sindicato dos Profissionais de Enfermagem do Tocantins (Seet) para que eles comentassem o assunto e aguarda resposta. O espaço permanece aberto.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Jocileide Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Jocileide
Visitante
Jocileide

Isso é uma vergonha, profissionais que cuidam de vidas passar por um tipo de situação degradante como essa. SOU PRIFISSIONAL DA SAÚDE. FICO INDIGNADA COM TAL SITUAÇÃO.


Fone: (63) 98454-5055 Email: portalcpnoticias@gmail.com
Jornalista responsável: Dermival Pereira
Copyright®2018 - 2019 – CP Notícias Cleiton Pinheiro.

Criado por: