Índia autoriza exportação da vacina de Oxford para o Brasil

Publicado em 21 de janeiro de 2021 - 14:37h

O governo da Índia liberou as exportações comerciais de vacinas contra a covid-19, disse o secretário de Relações Exteriores do país asiático à agência de notícias Reuters. A informação foi confirmada pela TV Globo com o Consulado indiano em São Paulo e publicadas no G1.

Foto: Niranjan Shrestha/AP

As primeiras doses da vacina desenvolvida pela Universidade de Oxford e pela AstraZeneca, que são fabricadas pelo Instituto Serum da Índia (SII), devem ser enviadas para o Brasil e Marrocos nesta sexta-feira, 23.

O G1 entrou em contato com o Ministério da Saúde a respeito e, até a última atualização desta reportagem, não havia obtido resposta. A reportagem também perguntou à AstraZeneca sobre a entrega das vacinas contratadas e atualizará esta matéria assim que tiver uma posição oficial.

Segundo o Consulado em São Paulo, um avião do Instituto Serum partirá da Índia na sexta e deve desembarcar no aeroporto de Guarulhos ainda no sábado (22). De lá, o carregamento será enviado para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, para ser etiquetado e armazenado.

O governo indiano suspendeu a exportação de doses até iniciar seu próprio programa doméstico de imunização no fim de semana passado. No início desta semana, ela enviou carregamentos gratuitos para países vizinhos, incluindo Butão, Maldivas, Bangladesh e Nepal.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Fone: (63) 98454-5055 Email: portalcpnoticias@gmail.com
Jornalista responsável: Dermival Pereira
Copyright®2018 - 2021 – CP Notícias Cleiton Pinheiro.

Criado por:

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com