TCE julga irregulares contas de ordenador de despesas de Almas e Novo Acordo

Publicado em 17 de maio de 2019 - 15:12h

Da Redação do Portal CP

Na Sessão de terça-feira, 14, a Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Tocantins (TCE/TO) julgou irregulares as contas de ordenador de despesas da Câmara de Almas, sob a responsabilidade de Karla Taianna Xavier Franco, gestora à época, referente ao exercício financeiro de 2017. A gestora à época foi aplicada multa de R$ 1.500,00.

Também foram julgadas irregulares as contas de ordenador do Fundo Municipal de Saúde de Novo Acordo, gestão de Océlio Gama da Silva, gestor à época, relacionadas ao exercício financeiro de 2016.

Conforme a decisão, houve déficit de execução orçamentária, além de divergências no demonstrativo das receitas e despesas com ações e serviços públicos de saúde. Ao gestor foi imputada multa no valor de R$ 2.000,00.

Com Ressalvas

Na mesma sessão, foram julgadas regulares com ressalvas as contas de ordenador da Câmara de Novo Alegre, gestão de Rodrigo Ribeiro Souza, referente ao exercício financeiro de 2017. (Com informações da Ascom do TCE-TO).

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Email: portalcpnoticias@gmail.com
Jornalista responsável: Dermival Pereira
Copyright®2018 - 2019 – CP Notícias Cleiton Pinheiro.

Criado por: